Sermão de Santo António aos Peixes (E-book)

Em pleno século XVII, enquanto os astrónomos vasculhavam os céus à procura de novas estrelas e novos planetas, o padre jesuíta António Vieira encontrou no mar um meio para iluminar a terra onde os índios nativos eram subjugados pelos colonos brasileiros. Inspirado em Santo António de Lisboa, o santo defensor dos pobres, escreveu este sermão para censurar a escravidão.

2,99 

REF: RE170718225032 Categoria: Etiqueta:

O Sermão de Santo António aos Peixes é uma obra de grande envergadura literária, que engloba um poder imaginativo que está além do seu tempo, uma capacidade oratória muito eloquente e um poder satírico bastante apurado. O padre jesuíta toma os peixes como encarnação das características humanas, tanto os vícios como as virtudes, transformando a sua obra numa alegoria onde a pessoa humana é metaforicamente representada pelos animais aquáticos.

Embora os vícios e defeitos que os peixes representam sejam uma reflexão dos colonos brasileiros que exploravam os índios nativos (e são, por isso, severamente censurados no sermão), a obra tornou-se intemporal — a diversidade de peixes que existem, a sua ambição pelo poder e domínio, e a avidez de se comerem uns aos outros para atingirem as próprias metas tornam os animais tão vinculados com os humanos que todas as épocas são a época do sermão.

Avaliações

Ainda não há avaliações.

Apenas usuários registados que compraram este podem deixar uma avaliação.